CORRIDA ELÉTRICA

FICHA TÉCNICA

Corrida Elétrica

(Armandinho Macedo/Russo Passapusso/SekoBass/Roberto Barreto)

 

Produzida por BaianaSystem

Máquina de Louco Editora

Produção musical e arranjos – SekoBass e Russo PassaPusso

Mixada por Dudu Marote

Masterizada por – Issy sasaki

 

Russo Passapussusso – Voz

Roberto Barreto – Guitarra Baiana

Armandinho Macedo – Guitarra Baiana

Sekobass – Baixo, programações e synths

Icaro Sá – percussão 

JapaSystem – Percussão

Aroldo Macedo – caixa

Junix 11 – Guitarra

Dudu Marote – edição e efeitos

 

A faísca que dispara uma ideia vem com a força de um movimento de eletricidade que está no centro de toda criação. No século XX, quando a eletricidade injetou poder para revolucionar a história, nossas máquinas nos projetaram para um futuro onde a linha do tempo se dilui e confunde passado, presente e futuro. Na Bahia dos anos 40, junto à modernidade dos eletrodomésticos, carros e indústria, a invenção do pau elétrico (que veio a ser a guitarra baiana nos anos 70) e consequente criação do trio elétrico (assim como muitas outras invenções baseadas nos mesmos princípios,ferramentas em sincronicidade ao redor do mundo) revolucionou o Carnaval e o comportamento, trazendo uma experiência social completamente nova, diretamente ligada ao envolvimento sensorial e hipnótico da propagação do som.

 

Em 2020, ano em que se comemora os 70 anos do trio, BaianaSystem e Armandinho Dodô & Osmar se juntam para lançar uma faixa na qual a guitarra baiana volta a ser um ponto de partida para novos impulsos, movidos como todos nós que vivenciamos o século XXI, por muito mais estímulos do que nossa capacidade poderia imaginar. A experimentação instrumental foi a tônica desse encontro, onde as referências e ferramentas da música eletrônica se misturaram com timbres e células rítmicas de uma tradição estética musical baiana. A música hoje, com infinitas possibilidades de criação, guiada por algoritmos que elevam a capacidade elétrica e eletrônica a níveis exponenciais, é produto de uma corrida no tempo, onde o circuito e a forma como percorremos ele passa a ser o grande combustível. 

 

© 2010 – 2021 BainaSystem. Todos os direitos reservados. Web design: Máquina de Louco & Adriano Marques.